Um Livro em 5 Min: Em Busca da Excelência

Nesta semana, trazemos mais um clássico: In Search of Excellence, de Tom Peters. Entenda como a disposição em perseguir a excelência nos mínimos detalhes pode revolucionar seu negócio.

 

Empresas americanas de sucesso
a. Tenha obsessão pela qualidade e altos padrões de serviço prestado.
b. Acerte o básico e então parta para a excelência.
c. Você não conquista a excelência sem envolver todos da empresa.

 

O modelo racional
a. Planeje considerando que irá executar.
b. Ame o produto que faz e o conheça melhor que qualquer pessoa.
c. A excelência tem a ver com lealdade, treinamento intenso, identificação com o sonho da empresa e relacionamento humano entre líder e liderados.
d. Trate sua equipe como o recurso mais valioso que você possui.
e. Planejamento e racionalização teriam impedido a invenção das melhores tecnologias da humanidade.
f. Avanços ocorrem apenas quando se constrói algo. Prototipe. E cedo.
g. Ao se deparar com um problema, mobilize recursos e os resolva na hora, de uma vez.
h. Interaja, teste, tente, falhe, se comunique, aprenda, mude a direção, se adapte, modifique e pense fora de padrões e convenções.
i. Gerenciar deve consistir em achar um caminho, tomar decisões e implementá-las. A maioria dos gerentes apenas toma decisões.

 

Pessoas esperando por motivação
a. Construa processos que façam as pessoas sentirem-se vencedoras.
b. Rotule um homem como um fracassado e ele passará a agir como um.
c. Associação com o sucesso no passado gera persistência, motiva e leva à superação.
d. As pessoas querem estar em times vencedores, sentir-se parte de uma unidade e sentir um mínimo de controle sobre seu destino.
e. Foque em poucos valores e objetivos.
f. Insista em comunicação interna breve e sem complicações.
g. Mais que dois objetivos não é objetivo.
h. Adquira um rico vocabulário de padrões, a partir de estudo e muita prática.
i. Críticas não-construtivas ensinam às pessoas apenas como evitar a crítica, ao invés de motivá-las a fazerem melhor.
j. O reconhecimento deve ser imediato e específico.
k. Recompense pequenas vitórias.
l. Reconhecimento inesperado é mais eficaz.
m. Pessoas correm mais umas contra as outras do que contra o relógio.
n. As empresas excelentes estabelecem valores centrais e permitem que seus colaboradores alcancem o seu melhor dando a eles liberdade, desde que esta não transgrida os valores.
o. A cultura de executar leva ao aprendizado rápido, adaptação, flexibilidade e comprometimento.
p. Fortaleça a mitologia para que as pessoas saibam como agir.
q. Os interesses da empresa e dos colaboradores devem ser os mesmos.
r. O líder deve ser o modelador de valores, o exemplo, o fazedor. Ele deve dar suporte à busca conjunta de propósito da empresa e colaboradores.
s. Se as pessoas tiverem a mínima sensação de controle sobre seu futuro, elas farão as tarefas que geram impacto sobre sua situação.
t. O líder faz as pessoas ao seu redor sentirem-se mais poderosas, ele deve ser um arquiteto social.

 

Gerenciando a ambiguidade e os paradoxos
a. O líder deve garantir a qualidade da comunicação, estimular a melhoria nos esforços essenciais e difundir propósito.
b. A liderança vai além da eficiência quando estabelece a missão básica e cria um organismo social capaz de atender essa missão.
c. Cuidado ao persistir em comportamentos que obedecem a paradigmas errados ou ultrapassados.
d. O líder experimenta mais, estimula as pequenas falhas que levam ao aperfeiçoamento, mantém as coisas pequenas e simples, interage com clientes, encoraja a competição interna e mantém um ambiente rico em informação.
e. Não tente aprender com ações sem agir.

 

Vocação para agir
a. Na 3M, as pessoas se reúnem apenas se for para resolver as coisas.
b. A regularidade e proximidade do contato das pessoas em torno de um centro de valores faz com que elas automaticamente tenham hábitos produtivos.
c. Insista na informalidade na comunicação.
d. Tire a gerência do escritório, faça com que interajam com público e subordinados.
e. Estimule pequenos reconhecimentos em todos os níveis da empresa e gere motivos para que as pessoas troquem informações.
f. A filosofia corporativa japonesa consiste em identificar e resolver, imediatamente, os problemas que surgem, não importa seu tamanho.
g. Equipes de inovação e novos produtos devem ter no máximo sete pessoas.
h. Equipes vitoriosas são temporárias e compostas por voluntários, que estabelecem suas próprias metas.
i. Trabalhe seu planejamento em períodos cada vez menores.
j. A criatividade é fruto da abstração aprimorada. Prototipe para poder evoluir de abstração em abstração.
k. Experimentação é a chave para aprendizado barato.
l. Não abandone uma ideia até que você tenha experimentado ela.
m. A complexidade muitas vezes esconde a inabilidade das pessoas em criar soluções simples.
n. Os objetivos de sua empresa devem ser entendidos como atividades.

 

Perto do cliente
a. Brigue por seus clientes, para que eles tenham sempre o melhor.
b. Uma vez por mês, faça com que gerentes e diretores façam ligações para vender seu produto.
c. Dê suporte e valorize seus vendedores, faça com que eles se sintam essenciais ao sucesso da empresa.
d. Mantenha e estimule um diálogo aberto sobre a qualidade de seus serviços, sempre visando a excelência.
e. Problemas na prestação do serviço merecem atenção e solução imediatas.
f. Promessas ao cliente devem ser mantidas independente do quanto possam custar à empresa.
g. Orientar um negócio ao bem-estar dos clientes é a melhor forma de motivar sua equipe.
h. Falhas na qualidade são coletivas. Conquistas notáveis devem ser creditadas individualmente, em cerimônicas específicas.
i. O controle de qualidade deve estar intrínseco à equipe de desenvolvimento.
j. Considere um insulto receber um produto mal feito.
k. Não empregue vendedores e sim solucionadores de problemas.
l. Seja mais orientado pelo foco no cliente do que pelo custo, lucro ou tecnologia.
m. A filosofia 3M: encontre um nicho, domine-o por completo e vá para o próximo.
n. Se você não encontrar clientes dispostos a trabalhar com você desde o início do projeto, você estará destinado ao fracasso.
o. As melhores empresas são as melhores ouvintes.

 

Autonomia e empreendedorismo
a. Cultive e incentive os campeões de seu time, aqueles que persistem obstinadamente em uma ideia, até que ela funcione.
b. É irresponsável estimular a criatividade sem ação.
c. A probabilidade de acertar é grande se você tentar várias coisas.
d. Garanta que seus projetos tenham ao menos 20 versões na fase de prototipação, essa é a taxa mínima para o sucesso.
e. Crie um ambiente que faça com que seus campeões se sintam o que eles realmente são, heróis.
f. Aumente as chances para que ideias sejam trocadas em situações do cotidiano. Crie ambientes comuns e dote-os de materiais próprios para a geração de ideias.
g. Quanto mais fisicamente próximas as pessoas estiverem, maior será a troca de ideias entre elas.
h. Se você não está cometendo erros, não está tomando decisões.
i. Pilares de suporte ao campeão: tempo total dedicado ao projeto, voluntários de todas as áreas necessárias e garantia de estabilidade, crescendo conforme o projeto se desenvolve.
j. O ônus da prova deve recair sobre quem deseja interromper o projeto.
k. Não impeça a criação de um produto pelo suposto baixo potencial de mercado.
l. Prove líderes de projetos visionários, reduzindo sua equipe aos poucos. Se ele persistir, de fato é um líder diferenciado. Com o sucesso, remonte o time.
m. Tenha um foco intenso em manter a burocracia mínima.
n. Elimine sua ignorância por meio de testes e conhecimento do usuário ao invés de acumular papel.

 

Produtividade através de pessoas
a. Trate as pessoas como o principal fator de aumento da produtividade e qualidade de seus produtos.
b. Esteja disposto a treinar as pessoas, estabeleça expectativas e cobre resultados de acordo, dando a elas autonomia, apoiando-as na conquista dos seus objetivos.
c. A filosofia da empresa deve estar evidente até mesmo na forma como as pessoas falam entre si.
d. Faça com que as pessoas sintam-se queridas e necessárias.
e. Gerentes devem ser selecionados por sua capacidade em gerar entusiasmo autêntico.
f. Aquilo em que sua empresa acredita deve ser tão forte que as pessoas saibam intuitivamente qual o comportamento correto. Deve haver uma atmosfera clara formada em torno da filosofia.
g. Nunca pare de perguntar aos seus clientes e colaboradores o que eles pensam para nunca parar de aprender.
h. Pergunte às pessoas como elas acham que poderiam desempenhar melhor seu trabalho.
i. Gerentes devem estar fora do escritório, treinando e executando.
j. Persiga a reputação de fazer bem os detalhes que importam.
k. Se as pessoas de sua empresa fazerem juntas algo uma vez por dia, aos poucos você terá uma unidade corporativa incrível.
l. Símbolos e linguagens próprias fazem com que as pessoas adotem novos comportamento, que levam a novas conquistas, que por sua vez, reforçam o repertório comum.
m. O grande ponto de mudança é quando você move escala acima a massa média de colaboradores em direção aos primeiros passos da excelência.
n. Gerência demais cria distração e tarefas inúteis, que só existem para justificar a existência da própria gerência.
o. Comprometa-se emocionalmente em ser o melhor em algo. Torne isso pessoal.
p. Conheça seus colaboradores, o que se passa em sua família, quais seus anseios e objetivos.
q. As pessoas conseguem ser quem realmente são apenas em pequenos grupos.

 

Mão na massa, orientados por valores
a. Quão bem sua empresa desperta o melhor das pessoas?
b. Mitos são construtores da instituição. Liderança criativa é construir empresas por meio de pessoas e recursos, gerando um organismo que fortalece valores duradouros e autênticos.
c. Colecione mitos e histórias que reforcem as crenças centrais de sua empresa.
d. Inspire ainda mais as pessoas na base da pirâmide organizacional de sua empresa.
e. Algumas características em comum nas crenças  de grandes empresas:
– Ser o melhor.
– Valorizar detalhes e executá-los com perfeição.
– Acreditar no potencial e valor das pessoas.
– Ser muito superior na prestação de serviços.
– Inovar a qualquer custo, sendo tolerante a falhas que levam ao sucesso.
– Reforçar a comunicação espontânea e o contato entre as pessoas.
– Gerar lucros e crescimento sustentável.
f. Contrate os melhores e crie um ambiente onde as pessoas possam errar e crescer.
g. Líderes criativos devem ser capazes de trabalhar no nível mais alto de abstração e ainda assim cuidar como ninguém dos detalhes.
h. Escute as pessoas, seja acessível e mantenha as pessoas informadas, especialmente naquilo que diz respeito a elas.
i. Você não vai conquistar nada se não se divertir enquanto o faz.

 

Forma simples, equipe enxuta
a. A não ser que realmente seja necessário ficar na empresa, seus colaboradores devem estar na rua, entendendo seus clientes.
b. Faça com que seus colaboradores tenham que usar o produto que fabricam.
c. Ser pequeno é o principal requisito para evoluir.
d. Esteja disposto a:
– Reduzir ou dividir seu time, assim que o tamanho se tornar um empecilho para a comunicação e a criatividade.
– Trocar o time (ou parte dele) responsável por um produto, gerando ganhos com uma nova visão sobre o trabalho desenvolvido.
– Reunir os maiores talentos da empresa para a conquista de grandes desafios.
– Mudar tudo, menos os valores centrais da empresa.

 

Capacidade simultânea de ser firme e flexível
a. A busca incessante e intensa pelo melhor deve estar presente em cada colaborador.
b. A autonomia é resultado de disciplina (valores compartilhados). A disciplina possibilita o escopo da atuação dos colaboradores.
c. Concentre-se em construir e expandir, e não restringir e controlar.
d. É essencial que todos na sua empresa queiram ser o melhor em algo, não importa o quê.

AULA GRATUITA: COMO TORNAR-SE CONSULTOR(A) DE MARKETING DIGITAL

Conheça o método que já ajudou milhares de Consultores de Marketing Digital a conquistarem seu próprios clientes, enquanto atendem de qualquer lugar do mundo!

Confirmado! Você será redirecionado...

2012-08-06T16:55:11+00:00 6 de agosto de 2012|

Sobre o Autor:

Consultor de Marketing Digital especializado em Automação de Vendas Online para PME's e Fundador da Escola do Marketing Digital. Clique aqui para acessar o perfil completo.