A área de Marketing é bastante ampla em relação à atuação. Hoje, quem decide ingressar no Marketing Digital deve estar sempre atualizado e buscar novas estratégias. Esse profissional não precisa necessariamente fazer uma faculdade de Marketing Digital, até porque não é comum encontrá-la. Entretanto, vários cursos estão disponíveis sobre o assunto. Muitos deles abordam a questão das redes sociais e da produção de conteúdo para a Internet. 

Aprenda sobre Marketing Digital na prática
Aprenda sobre Marketing Digital na prática | Foto: Campaign Creators

Existem alguns aprendizados práticos que somente a vivência no ramo pode oferecer. Isso acontece em qualquer profissão, mas não é um ponto negativo. Pessoas curiosas e que estão sempre abertas a novos conhecimentos podem se destacar. Confira a seguir algumas características do mercado de trabalho para quem investe ou trabalha com Marketing Digital.

Timing

No mercado de trabalho, é muito comum que o profissional de Marketing Digital tenha que lidar com prazos muito curtos, ou até mesmo que desenvolver projetos em um único dia. Na área, o imediatismo é uma das características mais marcantes. Muitas vezes, isso não é abordado em cursos ou na faculdade, mas faz parte do dia a dia. 

Timing, em tradução livre, significa cronometragem. Ou seja, pode-se relacionar com o tempo necessário para realizar cada tarefa. Às vezes, em alguns cursos ou faculdades, o aluno se depara com prazos diferentes dos estipulados em situações reais para entregar trabalhos, o que pode prejudicá-lo. Produzir conteúdos para as redes sociais, para blogs, sites ou até mesmo desenvolver projetos de Marketing Digital e identidade visual requer tempo. Normalmente, são várias entregas curtas ou projetos que não passam de uma semana ou um mês: tudo depende do plano de contratação e das exigências do cliente. 

Networking

Networking é basicamente uma “rede de contatos” desenvolvida aos poucos em sua área de atuação. Você pode começar a construir o seu networking na faculdade, em cursos específicos sobre a sua profissão, priorizando o contato com amigos e “amigos dos amigos”. Principalmente na área da comunicação e do Marketing Digital, ter um bom relacionamento com profissionais do segmento pode abrir várias portas de empregos e de trabalhos como freelancer

O termo pode ser considerado também uma atividade de negócios socioeconômicos pela qual empresários e outros profissionais se reúnem para formar relacionamentos comerciais e reconhecer, criar ou agir sobre oportunidades, compartilhar informações e buscar parceiros em potencial para empreendimentos ou outros tipos de trabalho. 

Clientes

Na faculdade, ou de outras pessoas que têm visões mais antiquadas sobre o mercado de trabalho, você irá escutar que precisa arrumar um emprego que forneça estabilidade e segurança. Isso pode até ser importante, mas não deve ser a sua única fonte de renda. Muitas vezes, você não terá um emprego fixo ou uma única empresa para trabalhar. No Marketing Digital, é comum que o profissional tenha vários clientes e muitas demandas diferentes. 

É muito positivo poder trabalhar em diversos segmentos e lucrar em cada um deles. Dessa forma, não desperdice oportunidades de trabalhos como freelancer ou de desenvolver projetos autônomos. Eles poderão complementar sua renda ou até mesmo tornarem-se sua principal “fonte” de recursos. 

Flexibilização

Para complementar as informações do item anterior, saiba que o Brasil é o 3º país com maior número de freelancers do mundo. De acordo com dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o País conta com aproximadamente 1,3 milhões de profissionais autônomos em seu território, assumindo o posto de terceiro país com mais trabalhadores informais, ambulantes, freelancer e remotos do mundo. A região sudeste é a que mais concentra profissionais freelancer no Brasil. 

Nesse cenário, é muito possível que o profissional tenha maior flexibilização em sua jornada de trabalho. Você não precisará trabalhar horas e horas sem fazer pausas, e ainda entregar resultados satisfatórios. Muitos freelancers, além de atuarem exclusivamente em projetos para os quais são contratados, entregam qualidade. Afinal, cada projeto entregue pode ser uma nova oportunidade de crescimento.

Para empresas com muitas demandas simultâneas, contratar freelancers é uma alternativa para otimizar o tempo de serviço, uma vez que eles costumam finalizar o trabalho rapidamente porque estão acostumados com datas de entrega estipuladas. 

Além disso, a possibilidade de contato com um profissional autônomo fora do horário comercial e até mesmo aos finais de semana é alta. Ou seja, por mais que exista flexibilidade para horário e local de trabalho, muitas vezes, você terá que trabalhar no momento em que muitos outros estão descansando. Questões como controle de horas trabalhadas, pagamento de horas extras e outros adicionais devem ser dialogadas no momento da contratação.

Escola do Marketing Digital

A Escola do Marketing Digital, especialista e referência na área, oferece cursos eficazes quando se trata de orientação para trabalhar com Marketing Digital, que levam em conta todas as características acima para que o aluno não tenha uma vivência além do mercado em que irá atuar. Alguns pontos abordados serão: 

  • como trabalhar com marketing digital; 
  • o que é marketing digital; 
  • ferramentas;
  • aplicações. 

Clique aqui e confira as opções disponíveis!