A primeira tarefa ao trabalhar com marketing digital e publicidade é a identificação do seu nicho e do público-alvo que deseja atingir. Com isso, o conceito de persona foi criado para deixar o perfil da empresa para as características dos seus potenciais consumidores. Essa distinção de público e persona é fundamental principalmente para os criadores de conteúdo on-line que desenvolvem estratégias de marketing para suas marcas com os materiais produzidos.

Saiba a definição de persona, brand persona e buyer persona
Saiba a definição de persona, brand persona e buyer persona | Foto: unsplash.com

Pensando nisso, confira o que é persona e a definição de dois conceitos distintos relacionados a esse assunto: brand persona e buyer persona!

O que é persona

Persona é a representação do cliente ideal que você busca atingir com seu marketing e com seus produtos ou serviços. Ela é baseada em dados “reais” sobre as características desse consumidor e a personalidade que aparenta, como faixa etária ou sexo, histórico pessoal, suas motivações, objetivos, desafios, preocupações e outros gostos.

Essa coleta de informações é referente ao público-alvo de uma empresa e todo o contato que foi criado entre cliente e marca, o que estabelece a base de uma relação mais comunicativa entre ambos para a identificação de novos consumidores em potencial do negócio.

Persona x público-alvo

Apesar de parecer semelhante, a definição de público-alvo é distinta de persona. Neste último, é desenvolvido a representação ideal de um cliente real, o que confere personalidade e uma imagem de forma mais humanizada. Já no público-alvo, uma parcela da sociedade é segmentada, aquela que tem mais chances de ser atingida pelos serviços e produtos propostos por um negócio. 

Buyer persona

Buyer persona é a personificação ideal do seu cliente. Para defini-la, é importante determinar a realidade e atribuir pensamentos, ideologias e motivações para entender o consumidor que a marca deseja atingir. Essa definição é diferente pois atribui qualidades bem específicas para o seu cliente, enquanto o público-alvo busca ter uma apresentação geral de todos os seus consumidores.

Buyer persona é uma forma de estabelecer a comunicação entre a marca e os consumidores, criando uma aproximação no relacionamento entre ambas as partes. Ela busca aplicar as características do cliente, além da posição socioeconômica e seu perfil demográfico, analisando também seus anseios, desejos, profissão, dados familiares, hábitos e gostos pessoais. Com esse detalhamento, torna-se muito mais fácil e eficiente atingir o público que a marca espera e aprimorar a experiência do cliente para mais fidelidade e recomendações.

O desenvolvimento da buyer persona é feito por meio de entrevistas com clientes, da construção de suas personalidades e da decisão de como aplicá-lo no marketing da empresa. A parte mais importante para a sua criação são as pesquisas e os depoimentos que a marca precisa recolher dos seus consumidores. Após a avaliação dos clientes e criação da publicidade, consequentemente a marca aumenta o número de vendas e a geração de novos leads para seu negócio. 

A buyer persona é definida também por meio de entrevistas
A buyer persona é definida também por meio de entrevistas | Foto: unsplash.com

Brand persona

Brand persona é a definição de como a marca quer posicionar-se em relação ao seus seguidores, quais serão os valores que ela apresentará, a “cara” que deseja assumir e como será reconhecida pelos seus clientes a partir de suas definições. Ao contrário da buyer persona, a brand persona cria uma personalidade da empresa e não de seus compradores, humanizando sua marca e deixando os traços de sua originalidade para o público.

A criação da brand persona é uma estratégia de marketing que ajuda na conexão com seus clientes e na melhoria da experiência com seus serviços. Com a definição da sua personalidade, fica mais fácil abordar o seu público da maneira que ele se comporta, usando uma linguagem similar ou adotando um visual que chama sua atenção.

Para desenvolver uma brand persona, é necessário acompanhar o seu público-alvo e caracterizar sua marca com base nessa construção. É preciso definir a essência de sua empresa, a mensagem que ela quer passar, a linguagem que ela precisa usar com seus consumidores e as ações e posicionamentos que ela terá ao longo da sua trajetória, criando, literalmente, uma persona do seu negócio e tratando-o como uma pessoa só. Esses são elementos que irão interagir com seus clientes de uma maneira mais próxima e acolhedora.