Há muito tempo as redes sociais deixaram de ser somente entretenimento. Hoje, muitas empresas ou profissionais autônomos utilizam as plataformas para colocar estratégias de Marketing em prática e alavancarem suas vendas. Por isso, é tão importante começar a estudar como vender nas redes sociais de uma maneira otimizada.

As redes sociais podem se transformar em lojas virtuais
As redes sociais podem se transformar em lojas virtuais | Foto: rupixen.com

Entretanto, além de estudar um pouco da teoria, é fundamental colocar alguns passos em prática. Confira algumas dicas! 

Marketing Digital

Identifique o seu público-alvo, ou seja, o público com que você deseja trabalhar. Você entrará em contato com ele por meio de redes sociais e outras plataformas digitais, que podem ser blogs ou até mesmo sites institucionais. Facebook, Instagram, YouTube, Twitter e Pinterest são algumas das redes sociais que mais acumularam um número significativo de usuários durante o ano de 2020. Tente estabelecer uma relação mais ativa e fiel entre a sua empresa e o seu consumidor ou seus possíveis consumidores por meio de estratégias como: produção de conteúdo e perfis profissionais em redes sociais. 

Persona

Para definir o seu público-alvo, o primeiro passo é “desenhar” a sua persona. Ela nada mais é do que o seu perfil de cliente ideal. Para isso, você precisa analisar vários aspectos e desenvolver uma personagem característica do seu público. Detalhe: a persona não é o seu público-alvo. Ela é uma “personificação” do seu melhor cliente. Algumas questões que podem ajudar a definir melhor esse “indivíduo” são: 

  • Como é a sua rotina/ seu lifestyle
  • O que ele assiste/ lê/ escuta? 
  • Com quem ele normalmente convive?
  • Quais são suas maiores necessidades?
  • Quais são seus maiores problemas? (isso, no Marketing, seriam as “dores”)
  • Como esses problemas/ dores seriam solucionados? 
  • Como se veste?
  • O que gosta de comer? 
  • Quantos anos ela tem? 
  • Ela tem filhos ou mora sozinha?
  • Onde mora? 
  • Gosta de viajar?

Outras perguntas podem ser utilizadas. Você precisa analisar com calma o que gostaria de destacar e que faria diferença para o seu negócio ou marca. 

Instagram

Em 2020, o Instagram acumulou mais de 1 bilhão e meio de usuários conectados e, dentre as mídias sociais mais utilizadas, ocupou o terceiro lugar no ranking mundial. As suas várias ferramentas não estão lá à toa e sempre oferecem mais engajamento para o perfil. Explore as funcionalidades: o IGTV é um vídeo completo, de um minuto até uma hora de duração, que pode ser editado antes da publicação e leva informações relevantes para sua audiência; as lives, ou seja, transmissões ao vivo, ajudam a manter uma relação mais profunda com os seguidores, podem contar com entrevistados e trazem pessoas novas para explorar seu perfil; o reels (ou “cenas”, em português), é parecido com o aplicativo ‘TikTok’, pois permite vídeos curtos de 15 a 30 segundos, inclui músicas ou narrações já prontas e edição rápida para a publicação.

Blog ou site

Com a criação de um site institucional, um blog, ou até mesmo a junção dos dois, suas publicações poderão ser mais completas e densas, cheias de conteúdos que agregarão à vida do leitor. Você ainda poderá disponibilizar informações importantes em relação aos serviços disponibilizados. Oferecer descrições dos produtos e serviços oferecidos pela marca é uma forma de estabelecer uma relação com o cliente. Assim, é possível dialogar sobre as necessidades do seu público-alvo e oferecer soluções à persona por meio de artigos.

Os blogs ou sites podem ser personalizados e oferecerem um visual agradável, tanto para o anunciante quanto para os visitantes. Para construí-los, preze sempre por uma identidade visual que esteja atrelada também às suas redes sociais. As postagens são importantes para divulgar seu negócio e podem oferecer links de compra internos ou externos. Dessa forma, várias curiosidades e temas relacionados ao segmento em que você atua são pertinentes e complementarão as suas estratégias das redes sociais. Não se esqueça de disponibilizar o link da página em seus perfis do Instagram, Facebook e YouTube.